Concurso da Polícia Federal Enfrenta Déficit de Mais de 1.700 Cargos

A Polícia Federal (PF), importante órgão de segurança no Brasil, está enfrentando um grande desafio com a vacância de mais de 1.700 cargos. A ausência de um concurso público ativo para a reposição de pessoal resultou em um déficit significativo em diversas funções, incluindo agentes, escrivães, peritos, delegados e papiloscopistas.

Vacâncias e Necessidade de um Novo Concurso

Com base em informações, verifica-se um total de 1.734 cargos vagos na PF, distribuídos da seguinte maneira:

  • Agentes: 1.081 vagas;
  • Escrivães: 349 vagas;
  • Delegados: 250 vagas;
  • Peritos: 46 vagas;
  • Papiloscopistas: 8 vagas.

Esses números ressaltam a urgência de um novo concurso da PF em 2024 para reforçar o quadro de funcionários, especialmente porque o último concurso, realizado em 2021, expirou em setembro de 2023.

Detalhes do Último Concurso e Perspectivas Futuras

O concurso de 2021, organizado pelo Cebraspe, abriu oportunidades para agente, escrivão, papiloscopista e delegado, mas não incluiu peritos. A intenção era utilizar a prorrogação do prazo para convocar mais aprovados, mas isso não se concretizou, e o concurso expirou com candidatos ainda aguardando a convocação.

O diretor-geral da PF, Andrei Passos Rodrigues, sinalizou planos para um novo concurso, mencionando a possibilidade de abrir até 2 mil novas vagas. Esse movimento está alinhado com discussões junto ao Ministério da Gestão e Inovação e ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, visando fortalecer as unidades em todo o país.

Posição da Fenapef sobre o Novo Concurso

Marcus Firme, presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), expressou otimismo quanto à realização de um novo concurso ainda este ano. Ele enfatiza a necessidade de pessoal e a importância de também incluir concursos para a carreira Administrativa, visando liberar policiais para funções específicas de segurança.

Concurso PF 2021 e Remunerações

O concurso PF 2021 ofereceu 1.500 vagas para diversas carreiras de nível superior, com remunerações variando de R$15.535,98 a R$28.807,35, considerando o reajuste para 2026 e auxílio-alimentação. A divisão das vagas foi a seguinte:

  • Delegado de Polícia Federal: 123 vagas;
  • Agente de Polícia Federal: 893 vagas;
  • Escrivão de Polícia Federal: 400 vagas;
  • Papiloscopista: 84 vagas.

Com um regime de contratação estatutário e jornada de trabalho de 40 horas semanais, a PF oferece estabilidade e carreiras promissoras para seus funcionários. A expectativa para um novo concurso é alta, com a necessidade de preencher os cargos vagos e fortalecer a segurança nacional.

Equipe de redação do Radio Educadora 1120

Cada integrante de nossa equipe carrega consigo uma valiosa coleção de experiências e habilidades singulares, culminando em um conjunto coeso que busca incansavelmente a excelência na criação de conteúdo. Nosso objetivo primordial é superar as expectativas, oferecendo aos nossos leitores uma experiência que não apenas enriqueça, mas também permaneça na memória.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

20 − oito =